Autoridades do Equador e Peru avaliam danos após terremoto

Arquivado em:
Publicado Segunda, 20 de Março de 2023 às 10:44, por: CdB

O terremoto de magnitude 6,8 atingiu a província costeira equatoriana de Guayas ao meio-dia de sábado, com moradores relatando tremores em grande parte do país, bem como nas cidades da fronteira norte do Peru.


Por Redação, com Reuters - do Quito/Lima


Autoridades equatorianas e peruanas trabalharam no domingo para avaliar os danos causados pelo forte terremoto que abalou a região no dia anterior, deixando ao menos 15 mortos e centenas de feridos.




terremoto.jpg
Autoridades de Equador e Peru avaliam danos após terremoto que matou ao menos 15

O terremoto de magnitude 6,8 atingiu a província costeira equatoriana de Guayas ao meio-dia de sábado, com moradores relatando tremores em grande parte do país, bem como nas cidades da fronteira norte do Peru.


– Nosso objetivo é tomar ações imediatas que nos levem de volta à normalidade – disse o presidente Guillermo Lasso em um vídeo na noite de domingo. "Vocês têm todo o meu apoio para reparar todos os danos o mais rapidamente possível, para o que o Ministério das Finanças já destinou os recursos necessários".


Lasso relatou 14 mortes e mais de 460 pessoas com ferimentos. Ele disse que 89 casas foram destruídas e outras 192 afetadas. Dezenas de centros de saúde e unidades de educação também registaram impactos, afirmou.



Casas desabaram


As autoridades peruanas relataram uma morte, quatro casas desabaram e outras cinco ficaram inabitáveis, enquanto os serviços essenciais e a infraestrutura de transporte não foram danificados.


Durante sua mensagem de domingo, o papa Francisco enviou condolências pelas perdas a "todos os que sofrem" por causa do terremoto. Outros governos, incluindo os de Chile e Cuba, enviaram mensagens de solidariedade.


Equador e Peru fazem parte do chamado Círculo de Fogo do Pacífico, uma extensa área que circunda o Oceano Pacífico onde são frequentes os choques entre as placas continentais.



Edições digital e impressa

 

Utilizamos cookies e outras tecnologias. Ao continuar navegando você concorda com nossa política de privacidade.

Concordo